Alternativo | Exposição

Um passeio por páginas de jornais

Exposição "Jornais Centenários do Brasil e Portugal: Um Legado Cultural" será aberta neste sábado, às 17h, no Convento das Mercês
15/10/2021
Um passeio por  páginas de jornaisCapa do jornal brasileiro O Fluminense, que também está no acervo de periódicos da mostra (Divulgação)

São Luís- Uma verdadeira viagem no tempo e na história! É isso que os maranhenses poderão conferir a partir desse sábado, às 17h, no Salão “Casa de Portugal” no segundo andar do Convento das Mercês (Rua da Palma, Desterro) com a exposição “Jornais Centenários do Brasil e Portugal: Um Legado Cultural”; que reúne dois séculos de história, em uma viagem emocionante contada nas páginas dos jornais desses dois países.
O evento é uma promoção conjunta das seguintes entidades: Associação Portuguesa de Imprensa; Associação de Imprensa de Pernambuco; Vice-Consulado de Portugal em Belém; Camões Portugal / Instituto da Cooperação e da Língua; Consulado Honorário de Portugal em São Luís e da Sociedade Humanitária 1º de Dezembro; com apoio do Conselho da Comunidade Luso Brasileira do Maranhão.
Na abertura da mostra que acontece nesse sábado, das 17h 19h30, já estão confirmadas as presenças das autoridades portuguesas que virão a São Luís prestigiar o evento: Berta Nunes, Secretária de Estado das Comunidades Portuguesas; Luís Faro Ramos, Embaixador de Portugal no Brasil; Maria Fernanda Pinheiro – Vice – Cônsul de Portugal em Belém. O Cônsul Honorário de Portugal no Maranhão Abraão Valinhas Jr. será o anfitrião do evento.

Além de aspectos gráficos dos periódicos selecionados, a exposição é um resgate histórico, já que a imprensa oficial é testemunha de crises, guerras, descobertas, inovações e outras questões relevantes da vida em Portugal e no Brasil ao longo dos anos. Entre os periódicos nacionais, estão o Diário de Pernambuco (mais antigo em circulação), Jornal do Commercio e Estadão (SP). Entre os de Portugal, está o mais recente centenário: O Figueirense (de Figueira da Foz, Coimbra). Nas páginas desses jornais, o público pode encontrar fatos que mostram a cultura de dois povos. Detalhe: Um dos critérios para integrar essa exposição é que o jornal continue na plataforma impressa, além de versões digitais.

Vale ressaltar que a primeira exposição foi dedicada exclusivamente aos jornais portugueses e aconteceu na cidade de Aveiro em 2018, promovida pela Associação Portuguesa de Imprensa. Em 2019, a Associação da Imprensa de Pernambuco, que mantém cooperação com a congênere de Portugal, trouxe para o Brasil essa exposição, ampliando-a com a inserção de jornais brasileiros, e realizando na Fundação Joaquim Nabuco no Recife, a primeira exposição luso-brasileira dos Jornais Centenários.

Ao trazer a mostra para o Maranhão, no histórico Convento das Mercês, a Embaixada de Portugal, através do Instituto Camões em Brasília, apresenta um dos mais expressivos eventos culturais dos dois países. Para o presidente da imprensa de Pernambuco, Múcio Aguiar, a exposição “Jornais Centenários do Brasil e Portugal” apresenta a importância do jornalismo no registro dos principais acontecimentos, a exemplo da Carta de Pero Vaz cujo teor é a notícia do descobrimento do Brasil, ou ainda, o fim da escravidão, que foi conhecida após sua publicação nos jornais.

Berta Nunes, Secretária de Estado das Comunidades Portuguesas, afirma que “o Convento das Mercês é o lugar ideal para receber a exposição, local de história e memória, espaço privilegiado de diálogo luso-brasileiro” declara ela que vem ao Maranhão prestigiar a abertura da mostra.

O evento é aberto ao público e gratuito. Depois da abertura nesse sábado (16.10), a mostra poderá ser visitada no período de 18 de outubro a 19 de novembro, sempre de segunda à sexta, das 8h às 17h no mesmo local, Salão “Casa de Portugal”, no Convento das Mercês.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte