Cidades | Missa

Católicos celebram Nossa Senhora Aparecida com missa na capital

Em São Luís, missas foram realizadas na igreja do bairro Cohafuma, batizada com o nome da padroeira do Brasil; outras missas ocorreram durante o dia
Evandro Jr. / O Estado13/10/2021
Católicos celebram Nossa Senhora Aparecida com missa na capitalCatólicos participaram de missas para Nossa Senhora Aparecida (Matheus Soares / O Estado)

São Luís - O feriado de Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil, foi marcado por celebrações em várias cidades. Em São Luís, houve programação especial na Igreja de Nossa Senhora Aparecida, no bairro Cohafuma, que mantém a tradição de organizar o festejo.

A primeira missa, celebrada às 7h, foi precedida de alvorada com queima de fogos de artifício. A missa solene, presidida pelo padre Ricardo João Moreira, foi acompanhada por dezenas de fiéis, uma vez que a capacidade da igreja foi usada em 100%, conforme liberação do governo estadual. Mesmo assim, os católicos compareceram usando máscaras.

Por volta das 9h, foi celebrada missa pelo 22º aniversário de dedicação da igreja a Nossa Senhora Aparecida, presidida pelo padre Flávio Marques Collins. Ao meio-dia, foi a vez da missa solene, comandada pelo padre César de Souza. À tarde, às 16h30, a paróquia realizou a Carreata da Aparecida. Por volta das 18h, prosseguiu com a missa de encerramento da festa em homenagem à santa, celebrada pelo padre José Raimundo Trindade.

Em São José de Ribamar, a Paróquia de Nossa Senhora Aparecida celebrou missas a partir das 7h30, sendo a primeira presidida pelo padre Heitor Morais. A programação incluiu, ainda, batizado e carreata com carros, motos e bicicletas.

De acordo com o padre Jadson Borba, coordenador da Ação Evangelizadora da Arquidiocese de São Luís, a Igreja Católica celebrou a padroeira em todo o Brasil. “Em São Luís, as diversas paróquias ofereceram uma programação especial aos católicos, de modo particular as batizadas com o nome de Nossa Senhora Aparecida, como a da Vila São Luís e a do Cohafuma”, disse.

História
Nossa Senhora Aparecida é o nome que acabou sendo dado a uma imagem de Nossa Senhora da Conceição, feita de terracota, 36 centímetros de altura e 2,5 quilos, que teria sido encontrada em outubro de 1717, por três pescadores no Rio Paraíba do Sul, em São Paulo.

Como a santa foi “aparecida”, a alcunha logo pegou. O episódio foi considerado um milagre e logo outros relacionados à santa foram sendo narrados. A pequena capela, originalmente erguida em 1745 para abrigá-la, passou a atrair mais e mais romeiros e o local, aos poucos, se transformou em uma cidade, Aparecida.

Hoje, Aparecida é o principal ponto de turismo religioso do país. Anualmente, cerca de 12 milhões de romeiros visitam o Santuário Nacional, que recebeu, aliás, os três últimos papas do catolicismo: João Paulo II, Bento 16 e Francisco. No feriado dedicado à santa, o local costuma ser visitado por 200 mil pessoas.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte