Esporte | Série B

Às vésperas de pegar o Vasco, Sampaio fala em "reviravolta"

Técnico Felipe Surian disse que chegou "momento de mudança de atitude"; dois jogadores foram desligados; jogo com Vasco será sábado (9), no Castelão
08/10/2021
Às vésperas de pegar o Vasco, Sampaio fala em "reviravolta"atletas do Sampaio durante treino no CT do clube (Divulgação/Sampaio Corrêa)

São Luís - O Sampaio Corrêa, que enfrentará o Vasco da Gama neste sábado (9), às 21h, no Estádio Castelão pela Série B do Brasileiro, anunciou as saídas do lateral Zé Mário e do Meia Romarinho, em postagem em suas redes, na manhã desta quinta-feira (7). Nesse clima, o técnico Felipe Surian falou em “reviravolta” no time.

De acordo com a postagem do Tubarão, as rescisões foram realizados em comum acordo. “A diretoria Tricolor informa que efetivou a rescisão de contrato em comum acordo com o lateral Zé Mário e o Meia Romarinho. O clube agradece os jogadores pelos serviços prestados e deseja sorte no prosseguimento de suas carreiras”, informa o texto do post.

O Sampaio segue em preparação para enfrentar o time carioca, forte adversário nesta fase do campeonato. Com 37 pontos, o Tricolor maranhense é o 11º colocado na competição nacional. Já o time carioca tem 43 pontos e ocupa o sexto lugar.

No time maranhense, o discurso é de reviravolta, após sete jogos sem vencer. Em entrevista ao ge, o técnico tricolor, Felipe Surian, afirmou que é hora do grupo fazer uma reflexão. “É um momento de reflexão e não de busca de culpados ou qualquer coisa desse tipo. Buscar a cada dia, a cada treino entender que é preciso melhorar, mais concentrado... Chegou um momento de mudança de atitude. A gente vem sofrendo e então é preciso mudar alguma coisa”, disse.

Ele também falou da preocupação com o sistema defensivo da equipe. “Onde minhas equipes são mais forte é no sistema defensivo. Por isso o início da competição foi muito bom. Agora, meio que por lesões e por cartões a gente não conseguiu entrosar esses atletas que entraram. A gente precisa se entender melhor”, declarou.

O Vasco

“O Vasco sobe”. Este é o mantra da torcida cruzmaltina na reta final da Série B do Campeonato Brasileiro. O desânimo após a derrota para o Avaí por 3 a 1, a queda do técnico Lisca e a tristeza de um time que não reagia no campo, e dificilmente teria condições de subir na tabela, deram lugar à esperança e confiança.

Com Fernando Diniz o Vasco está invicto. São cinco jogos, dois empates e três vitórias consecutivas. Desde a primeira partida, contra o CRB, o time mostrou evolução. Jogadores que estavam sem perspectiva dentro do elenco ganharam novas chances e corresponderam, como Riquelme, Bruno Gomes, Andrey e Gabriel Pec. O atacante, inclusive, marcou o segundo gol da vitória sobre o Goiás e deu a assistência para Ricardo Graça anotar contra o Confiança. Ele admitiu a mudança na equipe com Diniz.

“O que mudou com a chegada do Diniz foi que ele implementou desde que ele chegou que a gente só pode falar aqui dentro em acesso, em subir. Isso é muito importante porque a gente fica pensando positivamente. Nos jogos, ele implementou um trabalho novo e está dando muito certo”.

Mesmo em evolução dentro da Série B, o time ainda não entrou no G4. Atualmente, a equipe está cinco pontos atrás do Goiás, quarto colocado, com 48 pontos. Na última terça-feira (5), o Esmeraldino perdeu para o Náutico. Na sexta-feira, Botafogo e CRB, que também possuem 48 pontos, se enfrentam. Se houver algum vencedor neste confronto e o Vasco derrotar o Sampaio Corrêa, o cruzmaltino fica a apenas dois pontos do G4. Gabriel Pec admite que dá “aquela secada” nos rivais.

“Eu fico secando, dentro de mim tem um coração vascaíno. Estou aqui desde pequeno, então eu torço bastante pelo Vasco. Antes de mais nada a gente tem que focar no nosso, fazer nossas vitórias, nossos jogos e também pensar nos adversários, mas o mais importante no momento é a gente se fechar e ganhar nossos jogos”.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte