Política | Eleições 2022

Roseana Sarney volta a falar em candidatura a deputada federal

Ao jornal O Globo, a ex-governadora do Maranhão disse que tem "vontade de voltar" para a Câmara dos Deputados e falou da possibilidade em 2022
Gilberto Léda/Editoria de Política28/09/2021
Roseana Sarney volta a falar em candidatura a deputada federalRoseana vai decidir sobre sua candidatura ao governo do Maranhão ou para deputada após pesquisa Escutec (Matheus Soares)

Prestes a anunciar seu rumo político para 2022, a ex-governadora Roseana Sarney (MDB), voltou a mencionar o interesse pessoal de candidatar-se a deputada federal nas próximas eleições, não ao Governo do Maranhão.

Em entrevista a O Globo, a emedebista diz que pretende voltar para a Câmara dos Deputados, depois de haver gostado da experiência que teve na Casa, ainda na década de 90 do século passado.

“Gostei muito de ser deputada. Foi uma honra representar meu estado e quero voltar”, disse ela ao jornal.

A ex-governadora maranhense deve oficializar no fim desta semana seu futuro político. Ela aguardará o resultado da pesquisa Escutec/O Estado, cujos números estão previstos para ser divulgados no sábado, 2.

O MDB - assim como a própria Roseana - defende uma candidatura a deputada federal – para ajudar o partido a formar bancada em Brasília. Já alguns aliados, analisando resultados das mais recentes pesquisas, apontam que ela pode ser candidata ao governo, com grandes chances de eleger-se pela quinta vez para o comando do Estado.

“Evidentemente que é precipitado eu tomar uma posição agora, já que meu nome está em primeiro lugar em todas as pesquisas. Então, nós temos de conversar, acompanhar esse processo e, depois, decidir”, disse ela, em agosto, após em entrevista ao quadro Bastidores, do Bom Dia Mirante.

A própria ex-governadora, no entanto, não descarta a possibilidade, mas condiciona isso a um posicionamento do seu grupo político, não apenas pessoal.

"Vamos conversar com todos os segmentos do partido. Só após essas conversas, os diálogos, primeiro dentro do partido, depois com os outros partidos da oposição, nós vamos tomar uma posição. Nós queremos montar uma chapa de deputado federal, uma chapa de deputado estadual, que seja competitiva, e que a gente possa eleger o maior número possível de deputados estaduais e deputados federais. E se tudo puder acontecer do jeito que a gente está pensando, influenciar, também, nas chapas majoritárias”, adiantou.

Alianças

Sobre a possibilidade de alianças com outros partidos, ou grupos, Roseana tem garantido que o MDB não se fechou para ninguém.

“Nós temos conversado com todos os segmentos, nós não estamos fechados. O MDB é um partido democrático, é um partido aberto ao diálogo, nós sempre conversamos. A gente nunca toma uma decisão sozinho”, afirma, repetindo algo que já vem sendo dito publicamente pelo deputado estadual Roberto Costa, vice-presidente emedebista.

Mais

Pesquisa

O levantamento que “balançou" a ex-governadora foi divulgado em julho pelo Escutec. Nele, Roseana lidera todos os cenários para o governo, espontâneos ou estimulados.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte