Geral | Novas medidas

1º dia de restrições tem comércio em adaptação e ônibus lotados em SL

Apesar do aumento da frota em algumas linhas, passageiros dizem não ver muita diferença em relação aos outros dias; comércio local funciona em horário novo
Bárbara Lauria / O Estado06/03/2021
1º dia de restrições tem comércio em adaptação e ônibus lotados em SLLojas começaram a abrir uma hora mais tarde, mas movimentação de consumidores é intensa na Rua Grande (Paulo Soares / O Estado)

São luís – Na sexta-feira (5) começaram a vigorar as novas medidas restritivas no estado, para conter o avanço do contágio da Covid-19, e uma delas foi o aumento da frota de ônibus nas linhas semiurbanas na Região Metropolitana de São Luís. De acordo com a Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos (MOB), um ônibus foi acrescido a cada viagem em 12 linhas já identificadas pelo órgão.

“Hoje o ônibus estava mais vazio. Saio todos os dias do São Raimundo para o Bequimão e o ônibus é lotado, mas até o terminal do São Cristóvão estava mais vazio. Normalmente tenho muito medo, pois não há respeito ao distanciamento social e algumas pessoas até se recusam a usar máscara”, contou o estudante Jeremias Santana.

Contudo, a experiência não foi semelhante para todos os usuários do transporte público. Aqueles que fazem uso das linhas que não tiveram ampliação, alegam que a lotação contínua como todos os dias. Esse foi o caso da estudante Fernanda Marques. “Eu andei nas linhas Chácara Brasil e Santa Rosa, porque tive de descer no terminal, e todos estavam lotados por volta das 7h. Não houve muita diferença para mim e as pessoas continuam não respeitando o distanciamento. Há muita aglomeração, principalmente na hora de entrar nos ônibus”, relatou a jovem.

De acordo com o presidente da MOB, Daniel Carvalho, o processo de reforço nas linhas de maior fluxo será avaliado diariamente. “Inicialmente, o reforço será implantado nas linhas de maior demanda e a MOB estará diariamente realizando avaliações para saber se será necessária a disponibilização ou não de mais veículos”, pontuou.

Além disso, a Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT) iniciou, também na sexta-feira (5), o serviço 'Rapidão São Luís’', com trajetos de terminais para terminais, a partir de novas rotas, menos paradas e com saída de três Terminais de Integração: Distrito Industrial, Terminal do São Cristóvão e Terminal da Cohama.

De acordo com a Prefeitura de São Luís, inicialmente, cada linha do 'Rapidão São Luís' terá oito viagens diárias, quatro pela manhã e quatro à tarde. “O ‘Rapidão São Luís’ vai tornar as viagens dos usuários mais rápidas proporcionando maior pontualidade no deslocamento e chegada dos passageiros aos seus destinos”, destacou o secretário da SMTT, Cláudio Ribeiro. O serviço também manterá o benefício do Bilhete Único entre as linhas nos horários de circulação diária.

Comércio
Além dos ônibus, o comércio está se adequando as restrições em seus horários. Desde sexta-feira (5), lojas passaram a abrir apenas a partir das 9h e fechar as 21h. De acordo com o Presidente da Câmara Dirigentes Lojistas de São Luís, Fábio Ribeiro, apesar de não ser possível prever como a medida pode impactar na economia, o importante agora é salvar vidas.

“As medidas restritivas são assertivas e foram dialogadas com a classe empresarial, mas não temos como mensurar o impacto econômico nesse momento, porque a preocupação agora é salvar vidas, por isso, defendemos fiscalização intensa nos espaços públicos. A CDL está orientando os lojistas a seguirem rigorosamente os protocolos sanitários, e precisamos que a população também faça a sua parte, para que essa estratégia tenha o efeito esperado na redução da contaminação pelo coronavírus e dos óbitos”.

Foi esse o pensamento da comerciante Larissa Mendes, que trabalha na Rua Grande. “Abrimos apenas uma hora depois do costume, então não creio que vá ter tanto impacto, e mesmo assim, isso é importante para as pessoas entenderem o momento em que estamos vivendo e que precisamos nos cuidar”, relatou.

SAIBA MAIS

Linhas que tiveram ampliação de frota

T063 – Jardim Tropical/Santos Dumont
A981 – Turiuba/Pitangueira/Terminal Cohab/Cohatrac
958 – São José de Ribamar/São Luís/Expresso
T064 – Jardim Tropical/São Francisco
T970 – Maiobão/João Paulo/São Francisco/Terminal Cohab/Cohatrac
T974 – Cafeteira/João Paulo/São Francisco/Terminal Cohab/Cohatrac
T984 – Paranã/São Francisco/João Paulo/Terminal Praia Grande
A996 – São José de Ribamar/Terminal Cohab/Cohatrac
T979 – Raposa/Araçagi
A977 – Residencial Pirâmide/Terminal Cohab/Cohatrac
A987 – Maioba-Pindoba/Terminal Cohab/Cohatrac
T988 – Vila Sarney/Anil/Terminal Praia Grande

Rotas do Rapidão São Luís

Linha Terminal Cohama/Terminal Praia Grande

Ida: Daniel de La Touche, Avenida dos Holandeses, Avenida Castelo Branco-Terminal Praia Grande.

Volta: Rua das Cajazeiras, Camboa, Ponte Bandeira Tribuzzi, Avenida Carlos Cunha, Avenida dos Holandeses, Avenida Daniel de La Touche.

Linha Terminal São Cristóvão/Terminal Praia Grande

Ida: Avenida Jerônimo de Albuquerque, Terminal da Cohab, Avenida Jerônimo de Albuquerque, Terminal da Cohama, Avenida Jerônimo de Albuquerque, Avenida Colares Moreira, Avenida Castelo Branco, Terminal da Praia Grande.

Volta: Avenida dos Franceses, Rodoviária, Avenida Guajajaras, Terminal do São Cristóvão.

Linha Terminal Distrito Industrial/Terminal Praia Grande

Ida: BR 135, Avenida dos Franceses, Monte Castelo, Praça Deodoro, Terminal Praia Grande.

Volta: Avenida dos Africanos, Franceses, BR 135, Terminal do Distrito.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte