Alternativo | Cinema

"Fim de Festa", de Hilton Lacerda, estreia no Canal Brasil

Filme será exibido na quinta-feira (13); o drama mostra uma quarta-feira de cinzas na qual a alegria do carnaval se esvaiu rapidamente.
12/08/2020 às 08h46
"Fim de Festa", de Hilton Lacerda, estreia no Canal BrasilCena do filme "Fim de Festa" (Divulgação)

RIO DE JANEIRO- O Canal Brasil exibe na quinta-feira (13), às 20h35, “Fim de Festa”, longa de Hilton Lacerda, vencedor do Redentor de melhor filme pelo júri oficial e roteiro no Festival do Rio. Estrelado por Irandhir Santos, Ariclenes Barroso e Hermila Guedes, entre outros, o drama mostra uma quarta-feira de cinzas na qual a alegria do carnaval se esvaiu rapidamente.

Os baianos Breno (Gustavo Patriota) e Penha (Amanda Beça) conhecem Ângelo (Leandro Villa) e Indira (Safira Moreira) no carnaval do Recife. A alegria dos cinco dias de festa, no entanto, traz uma má notícia justamente no fim; o pai de Breno (Irandhir Santos), de mesmo nome, é um policial civil responsável por apurar o brutal assassinato de uma turista francesa morta a pauladas nas ruas da capital pernambucana. Além de lidar com os amigos do filho na própria casa, o inspetor se depara com vestígios afetivos enquanto investiga o crime.

A quarta-feira de cinzas ganha contornos ainda mais plúmbeos no filme de Hilton Lacerda. É o fim de festa, como sugere o título, e o fim da vida de quem deveria ter aproveitado a alegria da época. O policial sai às ruas em busca de pistas, mas há poucas evidências e as testemunhas não são exatamente confiáveis. A família, consternada com o crime, pouco colabora. Do outro lado da trama, os quatro amigos lidam com intolerância religiosa, sexual, racial e de costumes – tudo que é liberado no carnaval e condenado no resto do ano. Entre a felicidade da maior festa popular do Brasil e a necessidade de lidar com um assassinato bárbaro, o drama apresenta a complexidade cultural do Brasil por diversos prismas.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte