Esporte | Boxe

Boxe: Bia Ferreira bate chinesa e é campeã mundial na Rússia

É a primeira medalha de ouro do Brasil em mundiais feminino desde 2010
13/10/2019 às 18h11
Boxe: Bia Ferreira bate chinesa e é campeã mundial na RússiaBia Ferreira, de 27 anos, venceu a chinesa Wang Cong (Reprodução/TV)

Ulan-Ude - A brasileira Bia Ferreira, de 27 anos, venceu de forma incontestável a chinesa Wang Cong, em Ulan-Ude, na Rússia, e se consagrou campeã mundial de boxe na categoria até 60 quilos neste domingo.

É a primeira medalha de ouro do Brasil em mundiais feminino desde 2010. A última e primeira mulher brasileira com o feito foi Roseli Feitosa, vitoriosa na categoria até 81 quilos.

Campeã pan-americana em Lima, Bia é o principal nome do boxe olímpico brasileiro. Em 25 competições na carreira, a atleta de 27 anos conquistou 24 medalhas.

Sua trajetória começou com um nocaute técnico sobre Keamogetse Kenosi, de Botsuana. Depois passou por decisão unânime pela venezuelana Omailyn Alcalá nas oitavas de final. Nas quartas, vida dura contra a russa Natalia Shadrina, mas novo triunfo, por 3 a 2, em decisão dividida. Neste momento sua primeira medalha no torneio já estava garantida. Antes de chegar a final, bateu a americana Rashida Ellis.

As outras duas brasileiras que participaram do Mundial foram Grazieli de Jesus e Jucielen Romeu. A primeira venceu uma e perdeu a outra, já a segunda foi eliminada logo na estreia.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte