Geral | ILUMINAÇÃO

Nova iluminação traz mais beleza para Alcântara

O Projeto Luzes de Alcântara recebeu 1,2 milhão em investimento; além de proporcionar mais beleza e segurança à cidade, o projeto da Cemar, IPHAN e Aneel também contribuirá fortemente para economia de energia local
17/12/2018

ALCÂNTARA - A cidade de Alcântara, famosa por possuir uma riqueza história reconhecida pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) tornou-se também uma cidade mais iluminada. A Companhia Energética do Maranhão (Cemar), em parceria com o IPHAN e com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), inauguraram o Projeto Luzes de Alcântara, em celebração realizada no último sábado (15).

O projeto de modernização do sistema de iluminação do Centro Histórico e área urbana do município de Alcântara teve seu lançamento realizado em maio deste ano, com a inauguração da nova iluminação da Igreja de Nossa Senhora do Carmo. Desde então, 504 pontos de luzes foram trocados, sendo 344 luminárias urbanas e 160 luminárias coloniais.

Com o objetivo de enaltecer e preservar ainda mais as belezas da cidade, cinco monumentos históricos foram contemplados com iluminação artística. Além da Igreja de Nossa Senhora do Carmo, os pontos históricos Praça da Matriz, Pelourinho e Igreja dos Sinos também estão renovados. “A Cemar sabe da importância história que essa cidade possui. Tudo isso será feito em prol da população, com a intenção de reforçar o turismo local”, disse Augusto Dantas, presidente da Companhia.

A solenidade de entrega do projeto também contou com a presença do Diretor da Aneel Sandoval Feitosa e do superintendente do Iphan Mauricio Itapary e do prefeito de Alcântara, Anderson Wilker, que reforçou os dois principais pontos ao qual o projeto ajudará. “Temos tanto um reforço na segurança local como uma enorme redução de gastos por parte da prefeitura.Poderemos investir mais nos outros povoados da região”, ratifica.

Ao todo, o Projeto Luzes de Alcântara prevê uma economia de 54% na taxa de iluminação pública cobrada mensalmente ao município. Em números, os valores chegam aos R$ 40 mil [anual]. O dinheiro deve ser investido na implantação de energia elétrica nos quase 200 povoados da região rural. A conclusão faz a história de Alcântara mudar, acarretando na melhoria dos níveis de segurança e criando uma padronização do sistema de iluminação cênica que, agora, facilitará o gerenciamento e processo de aquisição de novos equipamentos de reposição.

Vale ressaltar que toda ligação subterrânea da cidade foi refeita. O Projeto, estimado em 1,2 milhão, feito pela Cemar e IPHAN como parte do Programa de Eficiência Energética, se tornou o maior feito do programa no estado do Maranhão.

A noite também foi marcada pela ação de troca de lâmpadas da Cemar. A ação visa realizar a troca de lâmpadas comuns dos clientes por lâmpadas de LED, que representam mais economia na conta de energia. O Projeto Consumo Consciente Cemar já trocou cerca de 100 mil lâmpadas, o que corresponde a uma média de 397 mil reais economizados no ano.

O que é o PEE
O objetivo do PEE é promover o uso eficiente da energia elétrica em todos os setores da economia por meio de projetos que demonstrem a importância e a viabilidade econômica de melhoria da eficiência energética de equipamentos, processos e usos finais de energia.

Busca-se maximizar os benefícios públicos da energia economizada e da demanda evitada, promovendo a transformação do mercado de eficiência energética, estimulando o desenvolvimento de novas tecnologias e a criação de hábitos e práticas racionais de uso da energia elétrica.

Para a realização de projetos com recursos do PEE, a Companhia interessada deve se inscrever com um projeto consciente, que será avaliado, validado e assim poderá receber investimento federal.

370 anos de Alcântara
O Projeto Luzes de Alcântara chega como um enorme presente de aniversário para a cidade histórica, que completará 370 anos no próximo dia 22 de dezembro. A população estimada de 21.652 habitantes [em 2014] ocupa uma área de 1457,96 quilômetros quadrados.
O acesso à cidade pode ser feito por sistema de ferry-boats, que ligam a cidade de São Luís até o porto de Cujupe, em Alcântara, bem como por barcos menores e catamarãs saindo do Cais da Praia Grande, no Centro de São Luís.

Perto de Alcântara, há um centro espacial do qual são lançados os veículos lançadores de satélites no âmbito da Missão espacial completa brasileira. É o CLA - Centro de Lançamento de Alcântara. Na América Latina, o CLA é o único concorrente do Centro Espacial de Kourou situado na Guiana Francesa, mas, ao contrário deste, o centro espacial brasileiro não opera lançamentos constantes em razão de atrasos logísticos e tecnológicos.

Galeria de fotos

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte