Geral | Despesas altas

Empresas de transporte querem mudança em plano de saúde

De acordo com responsáveis pelo Consórcio Upaon-Açu, reajuste das tarifas, concedido em janeiro, não tem sido suficiente para cobrir custos
17/07/2018

SÃO LUÍS - Pelo menos oito empresas (Viper, Planeta, Speed, Autoviária Matos, Patrol, Viação Abreu, Rio Negro e Aroeira) que constituem o Consórcio Upaon-Açu querem a mudança no regime atual de concessão de plano de saúde aos motoristas, fiscais e cobradores de ônibus. De acordo com os responsáveis pelo Consórcio, o último reajuste das tarifas, concedido em janeiro deste ano pela Prefeitura de São Luís, não é suficiente para cobrir custos. Uma reunião foi realizada para tratar do assunto na manhã de ontem,16, na sede da Superintendência Regional do Trabalho em São Luís. Outro encontro está marcado para o mesmo local, na próxima sexta-feira,20, às 10h30.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte