Geral | Após fiscalização

Restaurante apresenta esclarecimentos sobre denúncias

Restaurante O Capote, localizado no bairro da Cohama, em São Luís, foi fechado na segunda-feira (26) sob suspeitas de falta de higiene
OESTADOMA.COM30/12/2016 às 17h01
Restaurante apresenta esclarecimentos sobre denúnciasDe acordo com a direção do restaurante, em um prazo de 48hrs foi cumprida todas as determinações exigidas pelos órgãos fiscalizadores. (Procon-MA)

SÃO LUÍS – Fechado pelo Instituto de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-MA) e a Vigilância Sanitária de São Luís desde segunda-feira (26), o restaurante O Capote, após cinco dias da interdição, se posicionou, por meio de nota, sobre o ocorrido.

O restaurante O Capote, localizado no bairro da Cohama, em São Luís, foi fechado na segunda-feira (26), pelo Procon-MA juntamente com a Vigilância Sanitária de São Luís, após o recebimento de denúncias de consumidores sobre suspeitas de falta de higiene no estabelecimento, atrelada a irregularidades quanto à má conservação dos alimentos.

Após cinco dias da fiscalização que resultou no fechamento do restaurante, a diretoria de O Capote procurou a equipe de OESTADOMA.COM para prestar esclarecimentos. De acordo com a direção do estabelecimento, em um prazo de 48h foi cumprida todas as determinações exigidas pelos órgãos fiscalizadores, afirma ainda que as denúncias são inverídicas e de casos isolados.

Leia, na íntegra, a nota de esclarecimento do restaurante O Capote:

O Restaurante o Capote, vem por meio desta, prestar os devidos esclarecimentos aos seus clientes, amigos e colaboradores, acerca do último episódio que ganhou repercussão na mídia e redes sociais do nosso Estado, e que de alguma forma tentou manchar a reputação deste estabelecimento.

O Restaurante o Capote com a reputação Nacional e Internacional comprovada por 30 anos de tradição familiar, e bom atendimento, excelente paladar e que sempre atuou dentro da completa legalidade, comprometimento e dedicação à seus clientes e fornecedores, estando sempre sob a proteção de Deus, sabe que um fato isolado, e inverídico não encontrará respaldo no bom senso e julgamento de nossos clientes e de toda população que a tanto tempo nos prestigia e confiam em nossos serviços, principalmente por se tratar como dito de um caso inverídico, isolado, e que jamais houve qualquer outra acusação semelhante.

Diante dos fatos, recebemos a visita dos competentes órgãos fiscalizadores e no prazo de 48hrs cumprimos com todas as determinações exigidas, tendo inclusive referida fiscalização comprovado que estamos trabalhando corretamente e com o devido zelo e higiene que todos os estabelecimentos alimentares devem atuar.

Aproveitamos o ensejo para também informar à população que estamos funcionando normalmente.

Agradecemos a Deus e a compreensão de todos.

Desejamos um Feliz ano novo a todos os nossos clientes, amigos e colaboradores.

A Diretoria

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte